terça-feira, 13 de agosto de 2013

Observadores generalistas ofendem o blorgalismo

O editor

Eu não me referia ao Estopim, não!
Essa semana deparei-me com ofensivos artigos dos jornalistas Alberto Dines e Eugênio Bucci, criador e criatura do Observatório da Imprensa, site que, entre outras atribuições, analisa criticamente desvios de conduta, marcos históricos, ideias inovadoras e as coberturas tragicômicas do jornalismo brasileiro. É quase um órgão regulador da imprensa nacional.

O artigo de Dines é sobre a compra do Washington Post pelo milionário Jeff Bezos. Para ele, as eufóricas manifestações em torno da venda poderiam ser enfeixadas num dossiê intitulado "Muito barulho por nada". Dines acredita também que o 5 de agosto não foi um grande dia na história da imprensa e que está praticando um gênero de jornalismo prospectivo, tipo abracadabra, bola de cristal, que pega muito bem num blog e logo é esquecido, os que afirmarem isso. Por certo, Dines estava fazendo chacota da publicação em que revelamos a intenção de Bezos de adquirir o Estopim. Mais que isso, ofendeu os praticantes do blorgalismo nacional. Desprezou aqueles que tentam atuar fora da grande e comprada mídia.


Ocorre que Dines não é o único observador que sai por aí criticando os blorgalistas. Eugênio Bucci também já havia atacado o estopa e os nossos colegas e o fato passou despercebido. A ofensiva se deu em publicação de dezembro de 2012 da Revista de Jornalismo ESPM. Pois bem, vamos abrir as aspas para o seu Eugênio: "Não fazem jornalismo os milhões de autores [de blogs] que hoje graças aos meios digitais, produzem 'conteúdos informativos' e os oferecem ao planeta". 

Os artigos de ambos causaram-me decepção. Caíram em generalizações bobas, atacando a classe dos blorgalistas que se não praticam jornalismo, ao menos não fingem fazê-lo como ocorre na maioria das grandes redações desse país. Os analistas preferiram não aprofundar essa questão.

Bucci e Dines são quase carne e unha. E talvez estejam andando juntos demais e começando a pensar parecido. Ouso dizer que Bucci deverá ser o sucessor de Dines no Observatório. Além de atuarem juntos no site, frequentemente visitam o Roda Viva como entrevistadores e ensinam jornalismo na mesma instituição, a ESPM. Bucci é coordenador do curso de Pós Graduação e Gestão Editorial e Dines é professor. Essa semana, eles estão juntos em um programa no Observatório da Imprensa, onde analisam as trajetórias de Ruy Mesquita e Roberto Civita, elogiando os feitos e visitando os pensamentos jornalísticos e empresariais dos falecidos barões.

Um comentário:

Fernando Schweitzer disse...

O Observatório da Imprensa é um blog com patrocínio... Palavras de quem tem artigos lá... Abafa o casoooooooo!